23 de jul de 2015

Colocar tudo que eu sinto pra fora tem se tornado impossível, eu fico entalada, só não quero mais viver assim... Poxa, não sei mais o que fazer, tento ser uma pessoa de bem, trabalhar, ajudar todos que eu posso, se vejo alguém triste tento dar um UP, arranco sorrisos com tanta facilidade, as pessoas me olham e pensam tanto sobre mim, imaginam, deduzem, e no fim, eu não sou nada do que elas pensam...
Tenho a impressão que as pessoas que são filhas da puta sim, são felizes, e tem o que precisam, o que querem, e desejam.
Estou esgotada, queria me trancar em casa e ficar sozinha chorando por dias, mas não posso, tenho que encarar o "mundão" com o sorriso mais lindo que trago no estojo dentro da bolsa, é como se eu tivesse uma semi vida...

Um comentário:

  1. Boa tarde
    Passei pelo teu cantinho para te dar a conhecer o meu modesto espaço de poesia.
    Espero que gostes. Um abraço, Ana Pereira
    http://almainspiradora.blogspot.pt/

    ResponderExcluir