14 de mar de 2018

Apenas mais um encaixe

As pessoas falam de valorizar a vida como se todo mundo entendesse do que se trata.
Não é simples assim. Talvez você tenha o que valorizar, talvez, ache que não tenha, talvez tenha mesmo mas só os planos.
Sim, sem metáforas ou mimimi porque dói entender. Mas liberta. Dói aceitar, mas purifica, Dói se libertar, mas ah sensação de liberdade é indescritível.
De todas as curvas, formas, e caminhos, de todas as recepções e despedidas, por todas as idas e vindas, seja grato. Um dia faz sentido. 
Eu sei que não parece o que prometi, não fazer "MIMIMI", mas é a verdade.
Tudo mais cedo ou mais tarde faz sentido, um dia você termina esse quebra cabeça e a imagem sobre a mesa irá lhe surpreender. Um dia você vai entender que o quebra cabeça é seu destino e que até que você ache o encaixe perfeito de cada peça isso vai te irritar, vai te fazer sentir vontade de desistir, você até pode desfazer o que já fez, e ter que começar de novo, mas independente de qual seja sua conduta durante o processo de "montagem" a imagem final será a mesma. Cabe a você tornar isso algo agradável, ou desagradável, cabe a você aproveitar ou não o processo, as pessoas que podem montar seu quebra cabeça contigo, comemorar é muito melhor quando se compartilha uma alegria, um mérito, um realização em plural soa diferente, faz o coração bater no compasso da Felicidade.
Não se vive de prosa e Poesia, mas boa Prosa e Poesia, nascem nesses  pequenos aprendizados, não só para quem escreve, mas para quem é capaz de saber do que estou falando. 
Ninguém te tira, o que foi criado por Deus para te pertencer.

5 de mar de 2018

Que se DANE!

As pessoas confundem Bondade, com ser idiota.
Confundem educação com ceder.
Confundem Serem Respeitados com serem manipulados.
Infelizmente o Ser Humano de humano não tem nada.
E em todas as situações tentam tirar mais proveito do que realmente lhes cabe.
Podem me chamar como quiserem, de fria, mal educada ou bocuda; mas não vou ter câncer por engolir nada que não seja MINHA vontade.
Repito, podem me chamar como quiserem, a opinião das pessoas nunca me fez conquistar nada, nem chegar a lugar algum.
Me auto intitulo SOBREVIVENTE, e se sobrevivi, pode ter certa que foi porque matei gente, assim, igual a você na Unha, e com o maior Prazer.
Sei que muitos aqui não mereciam ler isso, a essas pessoas peço Desculpas, aos anjos com voz de algodão doce.
Mas vocês conhecem o velho ditado "mantenha os amigos perto, os inimigos mais perto ainda", aos de mais, se eu só tivesse sobrevivido, não estaria onde e como estou hoje, me tornei uma predadora em um Mundo onde acharam que eu seria Presa.
Literalmente, fica a dica, eu não vou jamais me impor para cima de ninguém, mas também não vou abaixar a cabeça para "abençoado" NENHUM.

4 de mar de 2018

Era uma vez...

Era uma vez o País das Fadas. Ninguém sabia direito onde ficava, e muita gente (a maioria) até duvidava que ficasse em algum lugar. Mesmo quem não duvidava (e eram poucos) também não tinha a menor idéia de como fazer para chegar lá. Mas, entre esses poucos, corria a certeza que, se quisesse mesmo chegar lá, você dava um jeito e acabava chegando. Só uma coisa era fundamental (e dificílima): acreditar.

Kelly Simões de Oliveira

São 1.158 dias...
1.158 dias que não me prendo mais ao que passou, 1.158 dias que ando com o coração mais aliviado, que ao contrário das lágrimas de sofrimentos, pela minha face tem escorrido lágrimas de gratidão e felicidade.
São 1.158 dias que posso errar, e aprender com meus erros porque agora eles são sinônimo de aprendizado e não de revolta e rebeldia, já não me preocupo em acertar em tudo, na verdade, não me importo de errar.
1.158 Dias que agradeço pela maior vitória da minha vida, não vir apenas o final do caminho, custei a acreditar, mas não só ví, finalmente enxerguei.
1.158 Dias que parei de bater cabeça tentando diminuir meu sentir para caber no meio e conceito de pessoas que na verdade nunca valeram a pena, nunca importaram de verdade.
Sim chorei muitas vezes à  mais  de"1.160" dias atrás, pensei que fosse me afogar no medo, mas à 1.158 dias me sinto segura, não tenho medo, e mesmo quando tenho, ele não me deixa estática sem saber o que fazer ou como agir, á 1.158 dias medo algum se compara ao medo de não ter você.
Hoje entendo que não, não mergulhei fundo de mais antes, e sim que não tinha o equipamento que eu realmente precisava para não me afogar.
A 1.158 dias estamos ajeitando as coisas Juntas, outras fizemos questão de deixar para lá. Tanta gente lado a lado praticamente virando Zumbis, e outros que pareciam tão tão distantes, se tornando irmãos.
São 1.158 dias que posso rir descaradamente como criança, com um sorvete derretendo na mão, e a boca toda suja, e ter isso de ti, não vendo forma mais linda de te ver sorrir. São 1.158 dias comendo espaguete sugando para dentro da boca e rindo de ver o molho respingando para tudo quanto é lado, 1.158 dias que minhas refeições tem sabor não só para minha boca, e sim para o meu coração, 1.158 dias que alimento não só meu corpo e sim minha alma.
1.158 dias que acordo no meio da noite, e seu corpo é meu cobertor, são 1.158 dias que não passo frio.
1.158 dias que mesmo saindo de casa com o moletom mais surrado, você me faz sentir atraente.
1.158 dias que entendi que perfeição não existe, e que seus detalhes são o que dão o maior charme do teu olhar.
1.158 dias que tenho sonhado, e hoje mesmo com um bilhão de sonhos, tenho toda certeza do mundo que irei realiza-los.
1.158 dias que tenho fé de sobra, e não mais tristezas e sim saudades para contar histórias.
À 1.158 dias entendi que felicidade é não ter pressa, é deixar o medo de lado e abraçar bem mais do que apertado.
À 1.158 dias finalmente entendi que Felicidade não é ter a receita perfeita, e sim os ingredientes necessários para criar o que você quiser!
A 1.158 dias entendi que eu não precisava correr tanto atrás da Felicidade, que ela me encontraria no lugar mais inesperado, e que viria até mim com um simples boa tarde, e o sorriso mais lindo que já havia visto no mundo, entendi que não é aquilo que pensamos que vai nos fazer feliz que realmente Vai.
1.158 que não existe sentimento maior em minhas orações do que gratidão, por mesmo eu não merecendo, ter recebido o maior mais puro, sincero, e libertador amor que eu poderia receber.
1.158 que posso gritar ao mundo o quanto TE AMO, e que sou a pessoa mais feliz do Universo por ver meu sentimento diariamente sendo correspondido.
1.158 dias que se fossem anos ainda assim não seriam suficientes, que mesmo 1.158 corações batendo juntos não seriam capazes de te amar tanto, quanto o meu, sozinho, e desritimado, batendo acelerado, vibrando mais do que uma bateria de escola de samba, fazendo mais festa que o povo Brasileiro em época de carnaval, por ter você fazendo dele teu lar, te ama.





1 de mar de 2018

Deixa ser como é para ser

Não adianta fingir que não, fugir, ou tentar se esconder, eu sei que você já desistiu, enquanto afirmava pro mundo todinho que estava tudo sob controle, que ainda tinha esperanças. Fingia ter força para lutar, e se escondia atrás de um sorriso amarelo.
Sei também que já escondeu alegrias, conquistas e possibilidades porque desde cedo lhe ensinaram que felicidade não se deve contar aos quatro cantos. Que olho gordo e inveja podem atrapalhar seus planos de se concretizarem.
Tenho certeza, sem nem titubear, do fundo do meu coração, que você já deixou de fazer coisas que te faziam bem, deixou de ver pessoas que te faziam bem, e até de ter certos pensamentos apenas para agradar alguém.
Não tenho a menor das dúvidas que você já deixou as lágrimas virem com força, molhando seu rosto, como a queda de uma cachoeira lava as pedras que a sustentam, enquanto andava pelas ruas protegido pelos teus óculos escuros, lavando com lagrimas a alma.
Com quem nunca aconteceu algo assim? Por favor, não se culpe, mas entenda que nem sempre, enganar a si mesmo é a melhor saída, na verdade, quase nunca, se enganar, nunca é uma saída; talvez você esteja entrando mesmo em um labirinto.
Esta vendo? Não! Não desista no meio do caminho, pode dar uma pausa, sentar um pouquinho, tomar aguá, abastecer o coração e a alma com o combustível mais poderoso do mundo, a Fé, não é a esperança que morre, mas sim você,  e por dentro.
Não seja um camaleão, não quando não for realmente necessário. Não camufle alegrias. Quando estiver feliz, grite até ficar rouco, gargalhe e compartilhe.
O que foi feito para você ninguém tira. Deus, nosso pai superior, em sua esplendida sabedoria, sabe quando seus filhos merecem, ou não, receber de presente aquilo que tanto queria. Assim como nossos pais fizeram diversas vezes, "se você subir essa nota no próximo semestre te dou uma bicicleta" "Come tudo se não, não tem sobremesa" "Se comporta ein, se não o Papai Noel não vai te dar presente este ano"
Nosso pai superior não é tão diferente assim dos outros pais, ele quer ter certeza que você dará valor no presente que esta pedindo, quer ter certeza que você merece, ter certeza que será o melhor para ti.
Não se prive por  nada nem ninguém, se cair, ralar os joelhos, e quebrar a cara, Mertiolate já não arde mais como antigamente, pelo menos tentou, e tem que tentar, o machucado sara. Na próxima você terá mais cuidado.
Quando não aguentar, deixe transbordar, seja amor, felicidade, cuidados, só cuidado para não sujar o que transborda de ti, com o que muitas vezes transborda dos demais, você pode ser uma represa formando uma cachorreira, linda e pura, e o outro pode ser um rio poluído sem salvação, se for necessário, chore, deixa lavar a alma quando não aguentar mais, porque as lágrimas são como chuva para refrescar os dias mais quentes.


Apenas o que me cabe.

Não tenho muito dinheiro, nem muitos amigos, não tenho disposição para ficar saindo de barzinho em barzinho e nem paciência para conhecer muitas pessoas, não tenho freios, nem limites quando se trata de prosseguir, não tenho grandes ídolos, não sou fã de verdade de cantor algum, nem se quer de uma banda. Não gosto de coisas comuns, nem pessoas, não me prendo e não tenho medo de recomeçar. Apesar de até hoje ter buscado completamente o contrário, ao menos me encontrei.
Depois de muito tempo você para de fazer guerra no seu próprio coração, tomo cuidado porque sei que as vezes quero carregar mais do que aguento nas costas, tomo cuidado ao interagir, e não engulo qualquer porcaria de qualquer um por ai.
Cheguei desfiz as malas que estavam pesadíssimas com a bagagem da viagem, quase tudo que vi no caminho recolhi e guardei, tirei tudo, joguei muitas coisas fora, o que era bom, guardei em um lugar melhor... Na próxima, minha bagagem estará mais leve, e com muito espaço livre, dessa vez não vou recolher lixo pelo caminho.
É natural, simplesmente acontece, um dia você percebe a dadiva que é ter milhares de caminhos a percorrer, com milhares de lições a aprender, que cair faz parte, mas importante mesmo é levantar, custe o que custar. Garanto que vale a pena.
Tenho o suficiente para viver razoavelmente bem, poucos amigos mas com certeza também os mais leais, de cinema em cinema ando de mãos dadas com meu amor, de restaurantes a pastéis na feira, e vivo sonhando, fazendo planos e fugindo da realidade direto e sem parada para nosso futuro, que já vejo lindo, agora eu presto bastante atenção no caminho, vejo bem onde piso, e não me canso tanto carregando lixos que só pesam nas costas, e nos atrasam por toda vida. A melhor parte é voltar do sonho não muito distante e agradecer pelo presente, que literalmente é um Presente.



22 de fev de 2018

Melhor não pagar para ver.

Não eu não passo nem perto de ser perfeita; como já citei antes, a busca implacável atrás da perfeição muito me incomoda, que chatice ter que conviver com quem tenta ser "perfeitinho" a todo tempo. Fugir da perfeição me permite não ser um robô, pensar livremente sem meus próprios pensamentos me impor limites. Em muitas ocasiões em que você vai para casa pensando naquela resposta que você Poderia ter dado, mas não deu, eu vou pra casa perguntando - Será que, eu não devia ter falado? (Mas em crise se 'sincericidio', nunca me arrependi de uma vírgula) - Quando vi já foi, não existe premeditação. A linha entre a sinceridade e a falta de educação é muito tênue... E eu, vivo praticando Slackline.

15 de fev de 2018

Por Hoje, gratidão.

Das voltas que a vida dá eu agradeço cada curva.
O endereço do Blog permanece o mesmo. Porem sem os seguidores de antes...
Afinal se a arquibancada da minha vida mudou, porque manter os mesmos espectadores?
A Essência permanece a mesma, porem Limpa e sem tantas conturbações.
Agradeço não de coração, porque ainda é pouco, agradeço de Alma, por cada tropeção, cada machucado e arranhão, cada dor e lagrima, agradeço pois hoje sei o Valor do meu Sorriso, descobri que ele não tem Preço, Moeda de Troca nem é necessário Procura, não existe nada sólido que o Pague ou Compre.
Nas curvas não nego te perdido o controle em várias ocasiões, mas apesar dos ferimentos, levantei, uma, duas, três, vezes...
E já percebi que sou capaz de levantar todas as vezes que se fizer necessário.
Hoje não me amedrontam tanto os "acidentes" que posso vir a sofrer, na verdade evito pensar em tudo que me vem com "E SE(?).. SERÁ(?)...MAS(?)". Não, Hoje é Hoje, e só. É isso que tem que ser, e assim que tem que ser.
Hoje sou o que e como sou, graças a um passado que me ajudou a escrever um rascunho.
Hoje tenho mais do que Papel e Caneta para passar esse Rascunho a Limpo.
Se será um bilhete, uma carta, um outdoor, um livro, um filme, ou uma lenda urbana...
Eu não sei!
Só sei que tudo que foi, não foi por Ser...
Que se você esta lendo isso, não é uma coincidência, que cada palavra que escrevo precisava tirar do peito, e você precisava conhecer. Assim como cada sorriso que passa por você na rua no decorrer do dia, como cada sensação de conforto no peito ao ter uma boa lembrança, como cada sensação de dever cumprido.
Mais uma vez eu repito, das voltas que a vida dá agradeço cada curva.
Afinal se não fossem elas, nem eu, nem você estaríamos aqui.



15 de mar de 2010

Eu sou Umbandista !!!

É, não tenho vergonha de dizer: "Eu sou Umbandista', não tenho vergonha de ser identificada como Umbandista. Me dou acima de tudo a um trabalho espiritual.
Nossa Umbanda, não faz milagres, quem os fáz é Deus,e quem os recebeu é porque MERECEU ;D Tudo depende da fé de cada um..
Sei que um terreiro, um centro, uma casa de Umbanda é um local espiritual e não a Religião de Umbanda em seu todo, mas todos os terreiros, centros, e casas de Umbanda, representam a Religião.
Nossa casa não vende nem dá salvação, mas oferece ajuda aos que querem encontar um caminho.
Ser umbandista é entrar em um terreiro sem ter hora para sair, ou sair do terreiro após o último consulente ser atendido.
Sou o que sou com dignidade, com amor e dedicação.
amo minha religião e vou defendê-la sempre com todo carinho e amor que ela merece.
Acredito que mesmo nós piores momentos, com a pior das doenças, estando um caco espiritual e material, os Orixás e os guias, entidades, mesmo que não possam nos tirar dessas situações, estarão alí, ao meu lado, momento a momento nos dando força e corragem;
ACREDITO SIM em cada Orixá, em cada guia ,entidade pois eles representam a essência e a pureza de Deus.
Visto o branco sem vaidade *-*
coloco uma firma no pescoço e sinto o peso de uma responsabilidade, onde muitos possam ver ostentação. Choro, sorririo, ando, respiro e vivo dentro de uma religião sem querer nada em troca. tenho vergonha de pedir aos Orixás por mim, mas não tenho vergonha de pedir pelos outros.
não tenho vergonha de levar uma oferenda em uma praia ou mata, não tenho vergonha de exercer a minha religiosidade diante dos outros .
Estou sempre pronta para servir a espiritualidade seja no terreiro, seja numa encruza, seja na calunga grande ou pequena, seja na macaia, seja nós caminhos ... seja em qualquer lugar onde nosso trabalho seja necessário.
Me alegro por saber que a Umbanda é uma religião maravilhosa, mas também sofro porque os Umbandistas ainda são tão preconceituosos uns com os outros.
Ser umbandista é ficar incorporado 5, 6 horas em cada uma das giras, sentindo seu corpo muído, e, ao mesmo tempo, sentir a satisfação e o bem estar por mais um dia de trabalho.
É sentir a benevolencia do zuar dos atabaques, sua vibração, sua importância, sua ação, sua força dentro de uma gira e no trabalho espiritual.
É arriar a oferenda para o Orixá e receber seu Axé.
É ver um consulente entrar no terreiro chorando, e vê-lo mais tarde sair do terreiro sorrindo.
É ter esperança que um dia, nós Umbandistas, acharemos a receita do respeito mútuo.
Sou Umbandista mesmo que outros digam que o que faço, minha prática, fé, doutrina, acreditar, dedicação, suor, lágrimas e sacrifífio não sejam Umbanda.
É saber que existe vaidade mesmo quando alguém diz que não têm vaidade: vaidade de não ter vaidade.
É saber o que significa a Umbanda não para mim, mas para todos.
É saber que as palavras somente não bastam. Deve haver atitude junto com as palavras: falar e fazer, pensar e ser, ser e nuncar estar ...
É saber que a Umbanda não vê cor, não vê raça, não vê status social, não vê poder econômico, não vê credo. Só vê ajuda, caridade, luta, justiça, cura, lágrimas, aflição, alívio, ráiva, amor, mau e bom, mal e bem ... os problemas, as necessidades e a ajuda para solucionar os problemas de quem a procura.
É saber que a Umbanda é livre; não tem dono, não tem Papa, mas está aí para ajudar e servir a todos que a procuram.
É saber que EU não escolhi a Umbanda, mas que a Umbanda ME escolheu.